Equipe de Animação Bíblico Catequética da Diocese de Itabira- Cel. Fabriciano realiza retiro

“Mais cedo ou mais tarde, a vida lhe mostrará que nada que está fora é capaz de “plenificá-lo”, fazendo-o suspeitar que é preciso dirigir o olhar para o seu interior. Quem busca, entra em um movimento inspirador, criativo, despertando os melhores recursos da própria interioridade. É a busca que dá sentido e calor à própria vida. Quem não busca, vive um processo continuo de atrofia de sua própria humanidade, pois a busca é o dinamismo que mais nos humaniza.” Pe. Adroaldo Palaoro,sj
E buscando nosso crescimento contínuo, a Equipe Diocesana de Animação bíblico Catequética realizou entre os dias 26 a 28 de abril de 2019, ser retiro anual á Luz do Ressuscitado. O retiro foi realizado no Rancho “Sossego dos Moorais, Revés do Belém-MG. A orientação espiritual foi da querida Irmã Iracema Leal, fsp,que foi pontuando cada momento com reflexões do Pe. Adroaldo, metodologia orante de Santo Inácio de Loyola.
Foi um tempo de descanso em Deus, de parada e repouso. Com seu jeito profundo e carinhoso, de alguém que já conhece bem a equipe, Ir. Iracema ajudou-nos a ir sem medo ao nosso interior e através das iluminações bíblicas e reflexões, ponderar e perceber caminhos para vivermos melhor a nossa vocação pessoal e compromisso pastoral… Este retiro foi uma oportunidade para fortalecer e unir-nos como família, partilhar a vida, fortalecer os laços redescobrir o sentido da vocação”. A cada encontro nos percebemos mais como uma família que cuida e zela uns pelos outros …
Foram momentos que sem dúvidas alimentaram as nossas raízes com os valores do Evangelho (justiça, compaixão, bondade…) para que nutridos e revitalizados sejamos capazes de gerar novos frutos. É uma oportunidade privilegiada para descobrir-nos e conhecer nosso reino interior e assim experimentar a transformação.
Este tempo especial de Páscoa é tempo propício para mergulhar no amor misericordioso de Cristo Ressuscitado estar na presença de Deus, alimentando a nossa vida espiritual e, manifestando a vontade de crescer juntos e iluminados fazer ecoar com renovado ardor a certeza da Ressurreição em nosso testemunho pessoal e pastoral…
E assim a luz do Ressuscitado fizemos a experiência de conectar com nosso criador, vivendo a experiência da Unidade, através da Palavra rezada, refletida e meditada no grande círculo da amizade e da familiaridade, nos fortalecemos e ressignificamos o nosso existir e nossa ação pastoral…

 

No interior de cada um permanece aguçada a dinâmica da busca, aquela que mantém a vida de todo coração e o incita na direção do que vale, do que conta e do que é essencial. Como ser necessitado e carente, o ser humano se sente impulsionado a buscar para conseguir acalmar sua insatisfação existencial. Mas a busca não guarda relação só com a carência, senão que é, ao mesmo tempo, expressão do desejo (aspiração) que parece constituir à pessoa e que se manifesta em forma de dinamismo vital (“buscar o que quero e desejo” – S. Inácio).

Ana Maria de Sena-EDAC

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *